Observações sobre estrutura e materialidade na psicologia fenomenológica

Guilherme Peres Messas

Guilherme Peres Messas

Observações sobre estrutura e materialidade na psicologia fenomenológica

O objetivo deste estudo é a indagação acerca dos melhores conceitos para o estudo das relações entre estrutura e materialidade na psicologia fenomenológica, dos quais depende a boa fundamentação da psicopatologia fenomenológica e a boa prática da clínica psicológica e psiquiátrica. Define-se estrutura como entidade sintética relativamente independente dos componentes que lhe dão sustentação material; materialidade, no sentido essencialista do termo, como solidez, intensidade (do ponto de vista dos seus qualificativos descritivos) e modalidade cíclica e modalidade mecânica (do ponto de vista de suas formas de modificação). O autor defende a noção de um estruturalismo moderado, para a compreensão do qual se faz necessária a investigação simultânea das lógicas da estrutura e da materialidade. Examinam-se três modalidades de relação típica entre estrutura e materialidade, ilustrando-as com exemplos.

Palavras-chave: Estrutura; Relações entre Estrutura e Materialidade; Epistemologia da Psicopatologia Fenômeno-Estrutural.

Fonte: Psicopatologia Fenomenológica Contemporânea, 2012, 1 (1), 181-197.

[PDF]